5GbetAtualização
Compartilhe

Metaverso, compra autônoma e gastronomia especial são inovações em encontro de Indicações Geográficas

Evento internacional em Curitiba vai oferecer experiências diferenciadas para compra, consumo e conhecimento dos produtos das IGs
PorRedação
5GbetAtualização
Compartilhe

OV Evento Internacional de Indicações Geográficas e Marcas Coletivas – Origens Brasileiras, que acontece de 8 a 10 de dezembro, em Curitiba (PR), apresentará inovações na forma de conhecer e consumir produtos das Indicações Geográficas (IG). No encontro será possível fazer um tour virtual em regiões que têm IG no Paraná ou até mesmo comprar produtos de uma forma alternativa. As novidades também chegam à cozinha. Chefs de restaurantes da capital paranaense desenvolveram pratos exclusivos, com ingredientes de IGs, que serão comercializados na semana do evento.

Ao todo, 26 restaurantes aderiram à “Semana Origem”. Entre os pratos elaborados estão a Caiçara Cozinha Litorânea, preparada com o Camarão da Costa Negra (CE); a Ostra Bêbada, prato com ostras gratinadas com Queijo da Colônia Witmarsum; o Curry Pasta, preparado com pancetta glaceada com Mel de Melato da Bracatinga (IG do Planalto Sul Brasileiro de Santa Catarina), purê de batata salsa, cebola caramelizada e farofa crocante, entre outros.

Prato Ostra Bêbada é preparado com ostras gratinadas com Queijo da Colônia Witmarsum. Foto: Wagner Melo.

“É mais uma forma de divulgar e dar visibilidade aos produtos das IGs de todo o país, que teve seu primeiro registro em 2002. Desde então, 99 produtos foram registrados. A experiência de consumir um prato com alimentos que remetem a determinada região demarcada é uma forma de inovar”, comenta a coordenadora de Agronegócios do Sebrae/PR, Maria Isabel Guimarães.

Metaverso

Outra novidade do evento é que o participante poderá ter uma experiência imersiva e interativa no tema. Por meio do uso de óculos de realidade virtual será possível “navegar” em um mapa do Paraná, com um avatar personalizado, e conhecer os 11 produtos com Indicação Geográfica no estado.

“Dentro do mundo do metaverso, será possível pegar na mão a uva de Marialva, o queijo de Witmarsum, sentir o cheiro e tomar o café do Norte Pioneiro do Paraná, entre outras experiências”, adianta o empresário Eros Dean Gomes, da Salsa Tec By Treinix, empresa que desenvolveu a solução.

Compra autônoma

Quem pretender levar para casa produtos das IGs terá a possibilidade de comprar na Vendinha, modelo de negócio criado em 2020, na pandemia da Covid-19, 100% autônomo, no qual o cliente realiza todo o processo de compras e o pagamento. Hoje, são 20 lojas em Curitiba e cidades da Região Metropolitana, com mais de 11 mil moradores atendidos.

Conforme o gerente de Novos Negócios da Vendinha, Henrique Cruz, o objetivo é se aproximar dos fornecedores para comercializar os produtos das IGs em vários pontos da cidade.

Vendinha: modelo de negócio com compra 100% autônoma. Foto: Divulgação

“Vamos aproveitar o evento para falar com os fornecedores. Eles têm histórias boas, produtos qualificados para vender. Queremos auxiliar e abrir mercado”, explica.

O primeiro contato da empresa com produtos das IGs aconteceu em 2021, em uma rodada de negócios articulada pelo Sebrae/PR.

“Estamos em busca de dar preferência para as IGs, abrir mercado e auxiliar os produtores locais. Nosso modelo de negócio permite trabalhar com marcas diferentes das usuais. Buscamos produtos com valor agregado, de qualidade sensorial, gastronômica, ricos em conteúdos”, pontua Cruz.

Programação
O V Evento Internacional de Indicações Geográficas e Marcas Coletivas – Origens Brasileiras será realizado no formato híbrido, com atividades presenciais no Memorial de Curitiba e transmissão on-line em português e tradução simultânea para inglês, espanhol e francês. Entre as atividades previstas, estão a realização de painéis técnicos, oficinas, feiras, palestras, apresentações e rodadas de negócios.

Atualmente, o Brasil conta com 99 IGs. Outros 70 pedidos estão em fase de formatação e devem ser protocolados junto ao Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI) até 2024.

Realização
O evento é promovido pelo Sebrae, INPI, Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Organização Mundial da Propriedade Industrial (Ompi) e a Associação Brasileira das Indicações Geográficas (Abrig), e conta com o apoio do Ministério da Economia, da Prefeitura de Curitiba, da Secretaria da Agricultura e do Abastecimento do Paraná, da Embaixada da França e do Instituto da Propriedade Intelectual da União Europeia (EUIPO).

Serviço
V Evento Internacional de Indicações Geográficas e Marcas Coletivas
Data: 8 a 10 de dezembro, a partir das 8h30
Local: Memorial de Curitiba
Endereço: Rua Doutor Claudino dos Santos, nº 79
Informações e inscrições gratuitas:https://www.

  • IG; Indicação Geográfica;