5Gbet
Compartilhe

Quase 2,3 mil negócios foram beneficiados com soluções customizadas do Sebraetec em 2023

Programa subsidia, em média, 70% dos custos com consultorias e oferece consultorias em desenvolvimento tecnológico, design, produção, qualidade e sustentabilidade
PorRedação
5Gbet
Compartilhe

A inovação se tornou fundamental para a sobrevivência e o crescimento dos pequenos negócios. Desde a pandemia da Covid-19, milhares de empreendedores recorreram a programas inovadores para garantir uma repaginação de seus negócios. Uma das soluções oferecidas pelo Sebrae é o Sebraetec, iniciativa que oferece atendimento personalizado e soluções sob medida para as micro e pequenas empresas.

Em 2023, quase 2,3 mil negócios foram acompanhados pelo programa em 443 municípios de Minas Gerais, em um total de mais de R$ 24 milhões investidos no período. A maioria das empresas atendidas foi no setor de Agropecuária (2.188), seguido pelo Comércio (268), Indústria (260 e Serviços (260).

O programa contempla mais de 70 produtos, divididos em quatro eixos: desenvolvimento tecnológico, design, produção, qualidade e sustentabilidade. Em média, 70% dos custos das consultorias são subsidiados pelo Sebrae, mas os percentuais podem ser superiores dependendo do financiamento dos parceiros.

“Atendemos a empresas que faturam até R$ 4,8 milhões por ano. Nosso público reúne MEI, micro e pequenas empresas, produtores rurais e artesãos que desejam produzir com mais eficiência e qualidade, aprimorar a comunicação e converter contratos em vendas”, destaca a analista do Sebrae Minas Juliana Orsetti.

Por meio do Sebraetec, o empreendedor pode identificar as soluções e tecnologias de que a empresa precisa. Ao ser incluído no programa, ele é encaminhado a um prestador de serviço credenciado pelo Sebrae Minas que vai acompanhá-lo por um período de 15 dias a dez meses – a depender da solução escolhida.

Pote que gera vitrine

A turismóloga Fernanda Silva recorreu ao Sebraetec para materializar a inovação em seu negócio, o Cantos do Mundo Turismo, agência de viagens on-line fundada em 2017, em Bicas, na Zona da Mata. Ao passar por cursos e capacitações do Sebrae, a empreendedora e o marido Renato tiveram a ideia de criar um pote que seria entregue na aquisição dos pacotes de viagem, com itens que remetessem aos destinos selecionados pelos clientes.

“Foi nesse momento que recebemos apoio do Sebraetec com o design do produto. Nele, o cliente recebe os documentos de viagem, o identificador de mala, fotos polaroid e um manual com dicas de memórias a serem guardadas, com ingressos, mapas e bilhetes. O pote se transformou em nossa vitrine”, conta Fernanda.

  • Inovação
  • Sebraetec
  • Turismo